[Resenha] Desejo Proibido de Sophie Jackson








Título: Desejo Proibido
Autor : Sophie Jackson
Paginas : 416
Editora : Arqueiro
Gênero : Romance
Classificação :


Sinopse:

Primeiro livro de uma trilogia, Desejo proibido é uma história de amor e redenção, de universos distantes que se aproximam e se fundem numa paixão avassaladora. Seu amor é proibido, mas não pode ser ignorado. Katherine Lane nasceu em berço de ouro. Filha e neta de senadores, a bela ruiva de olhos verdes e curvas perfeitas se formou em Literatura e surpreendeu a todos ao decidir dar aulas em uma penitenciária. Mas quando Carter, um detento inteligente e perigosamente sexy, desperta ao mesmo tempo a raiva e o desejo de Kat, ela é forçada a admitir para si mesma que a decisão de lhe dar aulas particulares pode ter sido motivada não pela generosidade, mas sim pela crescente atração entre os dois. Embora a família e os amigos de Kat temam que a paixão destrua sua carreira e sua vida, tudo o que ela quer é ficar com esse homem que a faz sentir-se completa. Porém Carter guarda um segredo que tanto pode unir seus destinos para sempre quanto afastá-los de uma vez por todas. 


Desejo Proibido foi um livro que comecei a ler meio que com um pé atrás, por se tratar de mocinha rica e presidiário. Porem no desenrolar da historia eu me surpreendi muito e fui me apaixonando a cada capitulo que se desenrolava.

Kat é uma mulher com um passado sombrio aos 9 anos, há 16 anos atras, ela quase foi assassinada junto com o pai numa emboscada. Sua sorte foi que apareceu um garoto que a arrastou de lá a tempo de nada de ruim lhe acontecer, porem o garoto desapareceu, todos acham que isso foi uma alucinação e até hoje ela é assombrada por pesadelos e pela culpa de não poder salvar a vida de seu amado pai.
“Será que ele não percebia que o pai dela precisava dela, que com certeza iria morrer sem sua ajuda? Mas o estranho continuou em frente, puxando-a rua baixo até a porta de um edifício abandonado, a duas quadras de onde o som pavoroso de um tiro tomou conta do ar.”
Kat é filha e neta de senadores, e tem uma vida independente, tranquila e sem dificuldade. Formada em literatura, poderia escolher a carreira que quisesse, mas como prometeu ao pai no dia de sua morte que como ele, ela queria fazer a diferença, ela decide que dará aulas em presídios. Sua mãe é totalmente contra e faz da sua vida um inferno para impedir o inevitável, ela acha que todo bandido são iguais aos que assassinara o seu marido, e com isso o relacionamento das duas começa a ir de mal a pior.

Carte é um típico bad boy, cheio de tatuagens, ex-viciado em drogas, uma ficha criminal cheia de assaltos, arrombamentos, receptação e etc... E desta vez ele está preso por trafico de drogas, e por incrível que pareça, agora, ele é inocente.
Carter teve uma vida difícil e complicada e em vários momentos e me perguntei por que ele ainda está nessa vida. Ele é inteligente, experto e tem muito dinheiro. Mas cada um com seus próprios demônios para lidar né.

Cat começa a dar aula. O agente condicional acha que essa é a chance de Carte conseguir sair sob fiança, porem mais uma vez ele estraga tudo. Kat não consegue entender porque não tem medo de seus ataques de raiva, e ainda assim insiste e ajuda-lo. Depois de uma bela bronca de seu agente, Carter aceita a ajuda e assim, ele sai da prisão.
"Seu gosto forte, com uma pitada de fumaça. Era sublime. Era como se ela tivesse procurado por ele durante toda a vida. Ele fazia sua cabeça parecer leve e pesada, excitada e apavorada, tudo ao mesmo tempo."
A condicional exige que ele continue a ter aulas mesmo depois de solto, e é isso que eles fazem. A atração entre os dois é inevitável, mas isso pode custar caro para eles, Carter pode voltar pra cadeia e Kat pode perder o emprego e ser processada. A questão é que com a convivência os dois percebem que tem muito incomum do que imaginavam. O passado dos dois pode tanto uni-los quanto separa-los. A cada momento a autora solta um dado ou uma informação, fazendo com que sejamos surpreendidos sempre.

Carter é prefeito do jeito dele, trata a Kat com muito carinho e é impossível não se apaixonar por ele e e por seu passado. Ele tem um apelido carinho para Kat “Pêssegos” e quando ele explicou o significado, tive vontade de abraçar ele. <3
"Era ela. Pêssegos. A garota com quem ele sonhava havia dezesseis anos. A garota que ele tinha salvado..."
(Isso eu não sabia) Desejo Proibido, originalmente era uma “fanfic” de Crepúsculo, publicada no site Fanfiction.net, onde conquistou 4 milhões de leitores. Este é o primeiro livro da trilogia, mas cada livro conta a historia de um personagem diferente. O próximo livro é o do melhor amigo de Carte, o Max. An Ounce of Hope (A Pound of Flesh #2)

21 comentários:

  1. Já estava bastante interessada em ler esse livro só pela sinopse, e agora depois de ver essa resenha fiquei ainda mais ansiosa em conferi essa história que parece mesmo ser excelente, essa trilogia promete hem.

    ResponderExcluir
  2. Não tinha visto ainda, e parece ser ótimo mesmo!
    http://grandemetamorphose.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. este livro foi uma surpresa, eu não dava muito por ele e solicitei mais por curiosidade que por vontade e menina que contentamento, a história não é boa, é maravilhosa! enredo diferente, super envolvente e ja virei fã
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi, Adriana!
    Confesso que fiquei interessada nesse livro desde seu lançamento, o ambiente inicial onde ocorre a história é bem diferente dos quais costumo encontrar nos livros que leio.
    Lendo sua descrição sobre o Carter fiquei ainda mais intrigada em relação a esse personagem e com vontade ainda mais de conhecê-lo.
    Eu também não sabia que Desejo proibido era uma fanfic de Crepúsculo, interessante isso...
    Que bom que você gosto do livro pois vou lê-lo em breve.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  5. Desejo Proibido é um livro que apesar de ter elementos que me atraem, não faço ideia se devo ler e se gostaria dele.
    Achei interessante a trama dele, foge um pouco do que estou acostumada a ver e Carter, pela sua descrição, me deixou curiosa.
    Sério mesmo que era uma fic de Crepúsculo? Por essa eu não esperava, não sou fã da saga, mas chega a ser curioso esse detalhe.
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Carter é um doce mesmo, adorei ele logo no início. Não vejo a hora de ler a continuação, uma pena que vai demorar.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  7. Oi, Adriana. Confesso que não me encantei com nada presente nesta história. Não consegui aceitar o fato de uma "mocinha" que já sofreu o bastante no passado por conta de assaltantes se apaixone por um próprio, mesmo ele sendo inocente desta única vez, o fato não ameniza a sua situação. Confesso que pode ser um preconceito contra as decisões da protagonista, quem sabe em breve dou uma chance e mudo o meu pensamento?!

    ResponderExcluir
  8. Achei o plot bem diferente de tudo que já li, então quis o livro, mas as resenhas não estão sendo muito positivas - dizem ter sentindo que faltou algo. Isso me desanimou um pouco, mas ainda quero ler.

    ResponderExcluir
  9. Gostei de saber da curiosidade,que originalmente era uma fanfic do Crepúsculo(mesmo não sendo fã da saga).
    Com a resenha vi pontos positivos no livro,a descrição do Carter chamou minha atenção,o apelido de pêssegos,e mesmo sendo uma trilogia é uma história 'fechada',uma para cada personagem,isso é bom,mas senti a Kat e sua trama meio óbvia,acho que não me conectaria com ela,só lendo pra saber.

    ResponderExcluir
  10. Eu estou doida pra ler esse livro, eu achei a história dele bem diferente por ser com um presidiário, e estou com bastante vontade de ler o livro. Tinha colocado ele na minha listinha de natal, mas não aguentei e comprei ele ontem, e logo que ele chegar eu já começo a ler :)
    Também não sabia que era uma fanfic de crepúsculo...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Vejo vários comentários positivos sobre esse livro, mas não leria. Não faz muito meu estilo.

    ResponderExcluir
  12. Não sei se esse livro faz muito meu estilo, sempre tive muita vontade de ler romances, mas algo neles não me atrai nem um pouco, espero que isso mude um pouco, achei a história desse livro bem interessante, diversos detalhes chamaram minha atenção, talvez eu dê uma chance a ele. Adorei a resenha

    ResponderExcluir
  13. vi esse livro nos lançamentos do mês mais até então não tinha me agradado mas nada que uma resenha para mudar de opiniao, gostei da resenha e agora to curiosa para ler e saber no que vai da.

    ResponderExcluir
  14. Olá, Adriana! O título Desejo Proibido pôde ser esclarecido durante a resenha. Confesso que fiquei com um pé atrás em relação à esta história, mas com suas palavras definindo os personagens a leitura se tornou muito melhor. Carter é um personagem apresentado bruscamente e se desenvolve de boa forma para Kat.

    ResponderExcluir
  15. Serio que era uma fanfic te TW? Já simpatizo,gostei da trama os personagens parecerem serem bons, a capa é bem chamativa também.

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Faz um tempo que estou interessada nessa serie a premissa estava muito interessante e os personagens me conquistaram, ainda não sabia que era uma fanfic mas achei a historia criativa e o Carter bem misterioso !!

    ResponderExcluir
  17. Sempre fico surpresa com a quantidade de livros que se originaram de fanfics de Crepúsculo :O
    Apesar de não ser fã de NA esse me chamou a atenção. Ao contrário de você o que me chamou a atenção foi o fato dele ser presidiário e ela não então vou dar uma chance ao livro. Espero que eu goste!

    ResponderExcluir
  18. sério que esse livro é um fã fic?? essa eu não sabia
    bom, pelo menos eu não sou a única a ficar com o pé atrás com a história da menina rica + bad boy. mas, pelo jeito acho que vou acabar dando uma chance ao livro, espero que como vc, eu me apaixono pela história
    acabei ficando curiosa p saber quais os demônios do Carter
    p.s. pq essa mania agora (que na verdade já faz um tempinho) de tudo ser trilogia?

    ResponderExcluir
  19. Oi Adriana, tudo bem?

    Eu não tinha ligado para esse livro até pouco tempo, mas li uma resenha dele que me chamou a atenção. Gostei dos personagens, mesmo com o clichê de moça rica e o badboy, eles parecem ser bem originais e com personalidades fortes... e gostei desse passado traumático da Kat, e a vida do Carter ser aquele personagem que sempre toma as piores decisões. Fico bem curiosa para ver o envolvimento deles.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima || Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  20. Olá, Adriana. Tenho que falar que achei muito estranho a relação entre Kat e Carter, como ela se apaixona justamente por um bandido? Mas, felizmente o homem da sua vida é um inocente e eles se envolvem numa trama bem quente e um pouco arriscada, digamos. Fiquei com um pé atrás sobre ele durante toda a história, mas o amor é maior que tudo.

    ResponderExcluir
  21. Ultimamente tenho procurado por livros do gênero New Adult, que não faz parte dos meus preferidos, mas tenho gostado das leituras. Mas apesar de estar dando uma chance ao gênero, não me senti atraída por essa história, mesmo com a boa premissa. É interessante esse amor entre os protagonistas e principalmente o reencontro entre os dois.

    ResponderExcluir